Crochet Scientific Artistas Margaret e Christine Wertheim

por Kathryn em Setembro 19, 2011 · 7 comentários

em Crochet Artistas

Eu quero ir para fora da caixa para o perfil desta semana de um artista que trabalha com crochê. Margaret Wertheim e Christine são as mentes por trás do Instituto para o projeto Descobrir hiperbólica Crochet Coral Reef, um projeto de crochet matemática inteligente eco-friendly que tem inspirado muitos artesãos em todo o mundo. O projeto foi originalmente destinado a comunicar sobre ciência e tecnologia, mas foi mais amplamente aceito pelo mundo da arte que o mundo da ciência. A intenção do trabalho da Wertheim vai além de consumo assim como a arte, mas ele definitivamente enfatiza a beleza e tem fortes ligações com o mundo da arte. O projeto recife especificamente é um grande projeto de arte e um que eu não quero deixar de destacar neste blog.

More About Crocheters Margaret and Christine Wertheim

Margaret Wertheim is a cultural historian and science author who formed the Institute for Figuring (IFF) em 2003. Her twin sister Christine Wertheim is a cultural studies professor at the California Institute of the Arts. Together they launched and curate the Hyperbolic Crochet Coral Reef project, which has been exhibited in both art galleries and science museums around the world, starting with the Andy Warhol Museum in Pittsburgh in 2007. This project helped them to receive the first ever Theo Westenberg Grant for Women of Excellence from The Autry Museum. The sisters are originally from Queensland, Australia but now live in Los Angeles. Eles aprenderam a fazer crochê de sua mãe.

Instituto de Figurando

O IFF é uma organização que trabalha para educar o público sobre a beleza estética e poética da ciência e da matemática. Isso inclui a beleza da natureza (como a geometria hiperbólica em uma lesma do mar) bem como a beleza em criações artificiais (tais como padrões da telha de mosaico islâmico). Eles educar usando letras, exposições e publicações, incluindo várias exposições com trabalhos de crochê hiperbólico. A organização foi fundada por Margaret Wertheim, porque ela estava descobrindo tantas coisas artísticas diferentes em ciência (tais como crochê hiperbólico) mas importantes revistas científicas não estavam interessados ​​neles, porque eles eram considerados mais arte ou ofício do que a ciência. She wanted to share these project as well as make science more accessible to non-scientists.

Hiperbólica Crochet Projeto Coral Reef

reef4 4 Scientific Crochet Artists Margaret and Christine Wertheim

Crochet Coral Reef

Perhaps the most well-known endeavor of the IFF is the Hyperbolic Crochet Coral Reef Project, which is described asa woolly celebration of the intersection of higher geometry and feminine handicraft, and a testimony to the disappearing wonders of the marine world”. Basically it is a replication of The Great Barrier Reef that has been done in crochet.

The reef project started out as a joking suggestion by Christine Wertheim. It was taken seriously by Margaret and ultimately became a huge and inspiring art project. The two sisters really balanced their different styles out in this project, com Margaret criando mais matematicamente peças estruturadas corretas e Christine acrescentando uma exploração mais lúdica de crochê.

É importante notar que o recife tem sido trabalhada por muitos, muitas mãos. Na verdade, ele é considerado possivelmente o maior projeto de arte comunitária do mundo. A partir do site:

“O Crochet Reef é uma fusão única de arte, ciência, matemática, artesanato e prática da comunidade que pode muito bem ser o maior projeto de arte comunitária no mundo.”

Na verdade, tem havido muitos sub-recifes que já foram criados e exibidos em adição ao original grande recife. Uma expansão deste projeto que eu gosto é a Reef Toxic, que incorpora plarn (fio saco plástico) no projeto para levantar adicional consciência sobre os perigos ambientais específicas de lixo plástico. Another satellite project that I’m interested in is the one created by women in Indiana State Prison. Existem muitos ligar prisão projects and I think this one, which adds the components of math and science and art together, is a great one!

It is also important to note that the Wertheim sisters launched this project using the hyperbolic crochetdiscovered”em 1997 by Daina Taimina. Taimina realized that using a simple algorithm when crocheting could create mathematically pure figures that could help explain the complexities of geometry in a highly visual format. The Wertheim sisters elevated this to a beautiful artistic level with their reef project. One of the ways in which they expanded upon Taimina’s work was by using different types of yarnfurry yarn, boucles, etc. – to create strikingly different effects. This is what made the pieces look alive, like sea creatures. Another way that they expanded on Taimina’s work was that they didn’t just increase the same number of stitches each round but alternated their increases to create different organic shapes.

Interesting fact: Taimina originally tried to use knitting to shoe mathematical principals but it didn’t work because it quickly led to too many loops on the needle. Crochet worked!

Understanding the Art of the Crochet Coral Reef

christine wertheim clip image006 2 500x332 Scientific Crochet Artists Margaret and Christine Wertheim

Detail from The Toxic Reef satellite project

Most crochet art has two distinct components to it. Primeiro, it is visually striking. Claro, beauty is in the eye of the beholder so you and I may disagree about what makes beautiful crochet art but there’s clearly a visual component to crochet art. Segundo, there is typically a message or intention behind the art work. Por exemplo, muitos artistas de crochê usar este ofício para explorar questões de feminilidade, identidade de gênero e relacionamentos, porque isso tem sido tradicionalmente uma arte doméstica (e não aquele que sempre tem sido levado a sério como uma forma de arte).

O trabalho de Margaret e Christine Wertheim explora estes temas. Ele toma a “doméstico” ou ofício feminino de crochê e usa-lo para explorar e explicar a matemática complexa, tipicamente considerado um “masculino” assunto. Margaret Wertheim escreveu um livro que aborda esta questão: Um Guia de Campo para hiperbólica Espaço: Uma exploração da intersecção da Geometria Superior e Feminine Artesanato Scientific Crochet Artists Margaret and Christine Wertheim. Ela também discute a questão em profundidade, em uma entrevista com Maria Elena Buszek, que foi publicado em um livro interessante chamado Extra / Ordinary: Artesanato e Arte Contemporânea Scientific Crochet Artists Margaret and Christine Wertheim.

O Crochet Coral Reef Projeto também é arte com uma mensagem. It is used to raise awareness of the ecological issues facing this planet, specifically how global warming and pollution are causing great devastation to the natural wonder that is The Great Barrier Reef. It’s green art.

A fun related fact about this project is that several of the crochet reef objects were featured in the sets of a sock puppet play called Quoi that Christine Wertheim wrote and directed in 2008. That’s adding one layer of art to another – Eu amo isso!

Understanding the Math in Hyperbolic Crochet

I think one of the coolest things about the hyperbolic crochet that has been created, used and written about by these women is the fact that you don’t have to understand math to create with it but it can be used to explain math if you’re interested in that. Crochê hiperbólico usa algoritmos simples para criar formas. Para alguém que está crochê, este pode ser traduzido para algo tão simples como trabalhar na rodada e sempre trabalhando em dois pontos em cada ponto da rodada anterior, criando, assim, um pedaço matematicamente pura e visualmente impressionante de crochê que se parece com algo que poderia ser encontrado na natureza. Contudo, você pode explorá-lo com o olho de um matemático para ter uma melhor noção do que pode anteriormente ter sido apenas matemática teórica para você. Eu sei que eu, pessoalmente, não se saiu bem nas aulas de geometria em todos, porque meu cérebro simplesmente não calcular dessa forma, mas trabalhar com técnicas de crochê hiperbólicas ajuda a tornar alguns deles só fazem sentido no meu cérebro.

Here’s a snipped of information from the coral reef website that will give you a sense of what I mean:

Getting started on your own hyperbolic models is easy. The basic insight is to understand that these forms result from the simple process of increasing the number of stitches in every row. The more often you increase stitches the faster the model will grow and the more crenellated the finished form will become. Models can begin with a simple line, resulting in a hyperbolic plane; or from a single point with the crochet spiraling around to gradually fan out like a cone, resulting in what is known as apseudosphere. You may also begin from a circle, which will produce tubular, bell shaped, or trumpeted configurations.

Another Wertheim Art Piece: Inlandia

cactus garden clip image001 4 Scientific Crochet Artists Margaret and Christine Wertheim

Crochet Cactus Garden

The sisters were involved in another similar art project in 2008 which explored the life of LA’s Inland Empire. Their Crochet Cactus Garden was a key feature of this project. The women curated the project, which was a collaborative project featuring the crochet work of nearly one dozen contributors.

Another IFF Crochet Exhibit: The Quick and the Dead

Outro projeto de crochê que foi elaborado pelo IFF, mas não com curadoria de as irmãs era um pedaço no 2009 exposição chamada The Quick and the Dead, que foi comissariada por Peter Eleey. Este “pequena e delicada instalação de peças de crochê hiperbólicas … leva um novo olhar sobre a história da arte conceitual ao longo do século passado … (e pede) o que é vivo e morto dentro do legado da arte conceitual.”

Margaret e Christine Wertheim Around the Web

Conheça o trabalho dessas grandes mulheres que eu iria chamar artistas!

O que você acha? São Margaret e Christine Wertheim artistas crochê?

pinit fg en rect gray 28 Scientific Crochet Artists Margaret and Christine Wertheim
Gosto deste post, por favor, aperte o botão de ação! Realmente amo o que estou fazendo com Crochet Concupiscence? Assinar Crochet Concupiscence por E-mail

Trackbacks

  1. [...] Crochet Scientific Artistas Margaret e Christine Wertheim [...]

  2. [...] projeto de crochet recife de coral que se espalhou por todo o caminho ao redor do mundo, graças ao trabalho árduo da Wertheim Sisters. During this same week last year I also wrote about a cool hyperbolic crochet cactus [...]

  3. [...] you are a crocheter who knows who Margaret Wertheim is then it’s probably because you’re familiar with the Hyperbolic Crochet Reef project [...]

  4. [...] crochet coral garden series has to bring The Wertheim Sisters to [...]

  5. [...] to math and science, tudo feito através de apresentação artística. Como você poderia esperar, there will be hyperbolic crochet pieces on display and you can probably expect to see some coral reefs. But that’s old news [...]

  6. [...] Pokorny, inspired to believe that anything is possible with crochet after watching a TED talk with Margaret Wertheim, decidiu que queria fazer crochê uma tenda em tamanho real. Ela começou o projeto em 2009 e a [...]

Post anterior:

Próximo post: